Game Nostalgia – Hey Listen!

gamenostalgia1

Hoje vim fazer um post random, sobre um game que para mim pelo menos, é incrivelmente nostálgico e não é por qualquer motivo que eu o considero o melhor jogo que eu já zerei até hoje, e olha que a minha lista é grande.

Então, continue e vamos lá.

Pois bem, eu estava falando sobre o queridíssimo Zelda Ocarina of Time (não me diga) um game épico, e não estou exagerando, você vai entender conforme for lendo o post, e se já chegou até aqui, parabéns.

Imagem

Zelda Ocarina of Time foi um jogado lançado pela Nintendo em 1998, ele saiu para o console Nintendo 64. Em 2002 voltou para GameCube, e a pouco tempo foi adaptado para funcionar no portátil 3Ds. Porém, já faz tempo que existem rons para emuladores, alguns são até traduzidos.

Esse jogo realmente se tornou famoso e é difícil não encontrá-lo em um Top Games por ai.

Bem, vamos ao jogo.

O jogo conta a aventura de Link, um garoto que mora na vila dos Kokiris, que se localiza na floresta do reino de Hyrule, mas diferentes de todos os outros, ele era o único que não possuía uma fada (mal sabia ele a sorte que tinha – Hey Listen ). Certo dia a árvore guardiã da floresta manda até ele uma dessas fadas que provavelmente eram nascidas das profundezas do inferno ou talvez de algum filme da sessão da tarde e só servem pra falar coisas óbvias e gritar até te dar vontade de esmagá-las.

Essa realmente é a vontade de qualquer um que joga. Parabéns ao criador da imagem.

Essa fada, vulgo ser do satã, conhecida como Navi, a chata, vai até Link e informa que ele vai ser o salvador da rainha Zelda e do Reino de Hyrule, neste momento a vida dele muda e ele parte para uma aventura tendo de deixar a sua melhor amiga para trás, Friend Zone Detected. Neste momento do jogo, talvez ocorra uma das coisas mais importantes, Saria (amiga) dá para Link uma Ocarina, que deveria lembrar a amizade deles pra sempre e também serve para que ele aprenda a tocar Chalá-Head-Chalá e e hipnotize a rainha.


Pouco antes de encontrar com Saria, Link foi até Deku Tree (árvore guardiã do mundo das fadas, que também podem ser chamadas de espíritos guardiões ou de filhas da…, continuando, a árvore fala para o pequeno rapaz que ele deve conseguir 3 pedras guardiãs, abrir o templo do tempo, e chegar até a triforce (Deuses daquele tempo).

Pois bem, ele consegue, porém, no momento em que ele junta os 3 feijões mágicos, um da floresta – um do fogo – e um da água, e se aproxima do castelo a princesa, sai correndo montada em um cavalo com uma líder da guarda real, uma sapatão, enquanto  Ganondorf tentava pegar a princesa e a senhorita da realeza atira para ele uma outra Ocarina, então ele simplesmente larga a que a amiga, friend zone, lhe deu, e pega a outra só porque era azul.

Link, como todo bom super herói abre o templo, porém, chega de spoilers, não vou contar toda a história e deixarei quem nunca jogou (difícil) jogar pra descobrir.

Enfim, depois de tudo isso, esse jogo é incrivelmente nostálgico, eu joguei ele no meu nintendo 64, e muitos anos mais tarde voltei a jogar em um emulador, e o jogo não perdeu nem um pouco do brilho, inclusive acrescentou até mais sobre minha opinião sobre ele, o Zelda Ocarina of Time combina um ótimo Enredo e sobretudo uma forma muito bem trabalhada de enigmas que só jogos antigos sabiam fazer, com certeza se alguém não tem um conhecimento em inglês pode se atrapalhar e não conseguir encontrar algumas coisas no jogo.

Cara, quem se lembra da Epona, a égua hipnotizada por música?

Essa égua é roubada por Link na fase em que ele já é mais velho, e sim, ele rouba ela seduzindo com música a pobre égua que tinha residencia fixa e recebia 6 refeições por dia para viver correndo e recebendo  cenouras.

A parte mais emocionante no jogo, é talvez a despedida e o reencontro com a amiga Saria, sabe, a rainha da Friend Zone.

Essa ai deixou o Link na friend zone até ele encontrar a Zelda. Entendemos a sua dor Link.

Há algo importante neste jogo, que deve ser sempre lembrado. NUNCA, NUNCA, nunca mesmo, bata em uma galinha.

Elas são fatais.

Agora vamos soltar o espírito nostálgico e relembrar das músicas do jogo, que talvez seja uma das coisas mais legais.

Esse game, combina muitos elementos incríveis, quem não se lembra das batalhas épicas?

Em certa parte do jogo, Link retira a espada do tempo do altar, e neste momento ele adormece durante alguns anos, voltando já adolescente, isso realmente é uma surpresa pra quem joga uma primeira vez.

é engraçado na fase criança carregar esse escudo azul nas costas, tartaruga ninja fellings .

Esse foi o jogo da franquia The Legend of Zelda, é o nome da princesa e não do Link, o cara de verde não se chama Zelda, por favor, lembre-se disso. Ocarina of Time, foi o grande motivo para a série se tornar famosa do jeito que é, pois é um jogo que envolve muitos personagens cativantes e a cena de créditos, após você passar por muitas aventuras, mostra cada um dele, pra quem zerou, é no mínimo emocionante.

Anúncios
Post anterior
Post seguinte
Deixe um comentário

1 comentário

  1. Vitoria

     /  junho 28, 2013

    Momento lindo em que linkinho toca a sua ocarina *—-* -qq
    WATER TEMPLE DO SATANÁS !!!111ONZE!!!1

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: